Sistema de armazenagem de estantes leves

Untitled-1

O sistema de armazenagem de estantes leves é usado para armazenar cargas de medidas variadas, mantendo uma estrutura mais simples, composta por colunas e braços sobre os quais se deposita o que deve ser armazenado. A disposição obedece a necessidade de armazenamento de carga, oferecendo a possibilidade de situar os níveis ou somente de um lado ou dos dois lados da estrutura.

O sistema permite a manipulação da carga de forma manual, já que se trata de mercadorias de peso mais leve, sem a utilização de empilhadeiras ou, quando necessário, apenas o uso de transelevadores apropriados para chegar ao local onde está armazenada a mercadoria.

Continuar lendo

Sistema de armazenagem estático

Resultado de imagem para Static storage system

Os sistemas de armazenagem podem ser classificados com relação à movimentação interna dos itens guardados como sistema de armazenagem estático e dinâmico.

No sistema de armazenagem estático, os produtos são estocados e não precisam ser movimentados internamente, sendo colocados manualmente ou através de equipamentos de movimentação nas estruturas montadas no almoxarifado, como em porta paletes convencional, nos sistemas drive-in e drive-trough, em escanterias leves ou cantillever, por exemplo.

Continuar lendo

Sistema de armazenagem emblocado

04 Bloco_edited

O sistema de armazenagem emblocado é um método que dispensa o uso de qualquer tipo de estrutura de armazenagem, uma situação que pode ser a solução para um determinado tipo de necessidade, que deve ser analisada antes de ser colocada em prática.

O modelo conhecido como sistema de armazenagem emblocado é, basicamente, aplicado quando não há maior necessidade de movimentação constante da carta, ou quando essa movimentação é praticada apenas em um sentido, com a entrada e a saída, não havendo necessidade de controle mais específico.

Continuar lendo

Sistema de armazenagem de estoque

03 Estoque

O sistema de armazenagem de estoque tem acompanhado a evolução exigida pelo mercado, trazendo sempre inovações e preocupando-se muito mais com a produtividade e a rapidez, desenvolvendo novas técnicas de logística e implantando meios informatizados para atender de forma mais eficiente.

Assim é que, há alguns anos, a ocupação física de armazém ou um almoxarifado era muito mais focada na área ocupada do que na área cúbica do espaço, fazendo com que o local de armazenamento de produtos, matérias primas ou mercadorias não fosse tão bem aproveitado.

Continuar lendo