Sistemas de Armazenagem em Bibliotecas

Sistemas de Armazenagem em Bibliotecas

A informática gerou mudanças para todos os setores e não foi diferente para o setor de livros e os sistemas de armazenagem e o WMS podem ser utilizados também por bibliotecas e livrarias. Hoje falaremos sobre a aplicação de prateleiras, porta pallets e outros para a organização de bibliotecas.

De acordo com profissionais da biblioteconomia, os sistemas de armazenagem em bibliotecas devem garantir que os livros não fiquem em contato direto com a parede do local, estando a uma distância mínima de 7 cm. Tal procedimento garante a circulação de ar pelo ambiente, o que é fundamental para a boa conservação dos livros. Vale lembrar que os livros devem ser posicionados sempre verticalmente e de modo que não fiquem inclinados, pois a inclinação força a encadernação ocasionando a soltura de páginas. Outro fator importante é não apertar os livros demais na prateleira, pois isso pode causar danos as capas no momento em que um exemplar for retirado de junto aos demais. Para isso, sugere-se o uso de bibliocantos, que são aqueles suportes de metal muito comuns em bibliotecas e que separam um livro de outro. Mas cuidado, especialistas afirmam que os bibliocantos necessitam ser lisos e com cantos arredondados, caso contrário, poderão causar estragos, como arranhões, nas capas dos livros.

É importante que a estante seja adequada para o tamanho dos livros, ou seja, se os livros forem grandes a distância entre uma prateleira e outra também deve ser grande para que todos caibam na posição vertical. Nunca se deve misturar livros grandes e pequenos na mesma prateleira, pois os pequenos não têm muita sustentação e o peso dos grandes que estão próximo podem causar estragos. Nunca se deve também armazenar os livros em posição horizontal, ou seja, deitados, pois isso causa danos na encadernação, podendo ocasionar na queda de folhas e amassamento das laterais.

Outra dica importante dada pelos profissionais de biblioteconomia, é separar os livros com capa de papel daqueles que têm capa de couro. De acordo com eles, o couro possui óleos que migram para o papel quando há contato direto e isso pode causar manchas nas capas de papel, portando o melhor a fazer é separá-los em prateleiras de acordo com a categoria a que pertencem.

Uma questão importante a ser abordada quando falamos de sistemas de armazenagem em bibliotecas é a limpeza dos livros. Obviamente, os livros precisam ser mantidos limpos e livres do acúmulo de poeira. Recomenda-se que a limpeza seja feita a intervalos regulares, numa frequência pré-determinada pelo bibliotecário responsável, que deve fazer uma análise, conforme a necessidade e volume. No entanto, é necessário um cuidado especial ao fazer a limpeza, fazendo uma avaliação de suas condições físicas e quantidades, tendo a pessoa que irá limpá-los, de seguir exatamente as orientações do bibliotecário. Para ser bibliotecário, é necessário ter formação acadêmica em biblioteconomia, pois esse profissional é o único devidamente habilitado a trabalhar com a manutenção e armazenagem de livros, estando apto a repassar instruções para atendentes, higienizadores, demais funcionários e visitantes das bibliotecas.

Em bibliotecas é comum também a necessidade de armazenar jornais e periódicos antigos. O papel utilizado para jornal, geralmente não possui muita qualidade e por isso sugere-se que sejam feitas fotocópias em folhas de sulfite, que possuem mais qualidade e vida útil muito maior. Acredita-se que a necessidade de guardar jornais antigos se dá mais pelo valor da informação contida na mídia, que pode servir para consultar em pesquisas, do que pelo material em si, por isso não há problema em realizar a reprodução. Uma sugestão dada por alguns bibliotecários é realizar essa reprodução e encadernar por períodos. Ex.: edições do mês de maio de 2015 do jornal Zero Hora. Após realizado esse processo, as encadernações podem ser guardadas, utilizando-se de sistemas de armazenagem, seguindo as mesmas especificações anteriormente explicadas para livros.

No caso de álbuns de recortes ou fotografias, são recomendados cuidados especiais, como por exemplo nunca os deixar juntos a livros e outros materiais da biblioteca. Como são muito frágeis, e compostos por materiais químicos esses materiais devem ter seus próprios sistemas de armazenagem, evitando a contaminação causada pelo contato com substâncias presentes em outros materiais.

Com as informações aqui explicadas, podemos ver que os sistemas de armazenagem não são limitados ao uso em indústrias, mas também podem ser utilizados para diversas outras finalidades, como é o caso das bibliotecas, que necessitam de estantes de qualidade para armazenar seus livros com segurança, garantindo uma redução significativa dos danos causados.Com isso pode-se também minimizar a necessidade de compra de novos livros com tanta frequência, no caso de publicações com grande número de retiradas e também não precisar fazer a restauração de materiais de valor histórico com tanta frequência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *