Estrutura autoportante, uma solução para o armazenamento

07 Estrutura autoportante

A estrutura autoportante possui diversas versões, desde um sistema de estantes em estrutura alta, totalmente automático, a um sistema de estantes com operação manual, instalado em corredores. O cliente tem como fazer diversas combinações entre as opções, encontrando a melhor maneira de armazenar o que necessita.

Para a instalação de um almoxarifado, é preciso fazer uma análise aprofundada das necessidades da empresa, levando-se em conta a capacidade de estocagem, a comparação das estruturas, a conformação da edificação, entre outras.

O almoxarifado em prédios de alvenaria utilizando porta paletes das mais variadas configurações sempre se apresenta como a alternativa mais viável, mas, dependendo da necessidade da empresa, pode-se pensar um prédio autossustentado, composto por um sistema completo de estruturas de estocagem, usando o sistema de estrutura autoportante como apoio básico do teto e das paredes.

Para fins de estocagem, o sistema de estrutura autoportante oferece maiores vantagens para o armazenamento, o que demanda um estudo prévio quando se faz a escolha do melhor sistema. Ao considerar a estocagem, o prédio sustentado pela estrutura autoportante irá superar em muito qualquer outro tipo de solução.

Estrutura autoportante para superar o espaço

A estrutura autoportante tem a vantagem de superar a capacidade de espaço oferecida dentro de uma estrutura tradicional, de alvenaria. Os prédios sustentados pela estrutura autoportante são sempre preferidos para armazenamento sem limite.

Na estrutura autoportante, as aplicações podem ter altura que ultrapassam os 50 metros, permitindo grande aumento na utilização e ocupação do espaço exigido para o armazenamento e, do ponto de vista econômico, um prédio sustentado pelo sistema de estrutura autoportante oferece melhor relação custo x benefício.

A utilização da estrutura autoportante vai além do exigido para a legislação que cuida de espaços livres, quando é necessário um determinado número de metros reservado para cada metro construído. No caso da estrutura autoportante, é possível minimizar a área ocupada, minimizando também a reserva exigida e possibilitando maior aproveitamento do espaço.

A estrutura autoportante pode ser usada para qualquer tipo de armazenamento permitido pela legislação, devendo apenas a empresa observar o seu caso em particular, aproveitando inclusive benefícios fiscais, uma vez que os prédios só podem ser depreciados no prazo de 30 anos.

 

No caso da estrutura autoportante, as paredes e o prédio são sustentados por uma estrutura considerada como envoltório de armazenamento, cujo custo pode ser depreciado como equipamentos, dentro de metade do prazo, ou seja, 15 anos.

Facilidade de construção da estrutura autoportante

A construção de um edifício de alvenaria exige fundações e a construção de paredes laterais e do teto, com o devido acabamento e, ao final, a construção do piso. Depois disso é que se pensa na estrutura de armazenamento e na sua instalação, gerando um custo adicional para a empresa, principalmente no caso de exigir nivelamento de piso ou outras correções.

Para a construção de um prédio com estrutura autoportante, começa-se pela colocação do piso e da montagem da estrutura autoportante, sendo elas montadas em gabaritos assentados sobre suas laterais, permitindo que o aço de apoio seja montado e afixados os parafusos, agilizando muito mais o processo de montagem, além de permitir aproveitando total do espaço.

A escolha da estrutura autoportante pode trazer muitos benefícios para a empresa, principalmente com relação aos custos, já que esse tipo de armazenamento também apresenta outras vantagens, desde o início de sua instalação até a fase de funcionamento, como por exemplo:

  • A estrutura autoportante traz economia de espaço, com um design prático e compacto;
  • As fundações da estrutura autoportante são de base simples, distribuindo a carga em suportes da própria estante;
  • O prazo de montagem da estrutura autoportante é muito mais rápido que um sistema convencional;
  • Os custos operacionais com ar condicionado e iluminação são muito menores;
  • A estrutura autoportante oferece opções de rebaixamento e de aumento bem mais fáceis e atrativas.

Montagem de uma estrutura autoportante

Empresas que tenham armazenamento que exigem altura de construção superior a 20 metros podem ter melhor aproveitamento com o sistema de estrutura autoportante. A montagem de uma estrutura autoportante pode ser desenvolvida e aplicada obedecendo a alguns critérios básicos, como relacionamos a seguir:

  • Análise dos requisitos do cliente com relação ao tipo de mercadoria, à capacidade de armazenamento e ao desempenho de movimentação das mercadorias armazenadas;
  • Planejamento e estudo dos requisitos do cliente, atendendo suas necessidades de armazenamento, verificando a necessidade ou não de movimentação automática ou manual da estrutura autoportante;
  • Escolha e seleção do equipamento para utilização do sistema autoportante, podendo ser aplicado o sistema automático ou o manual, com uso de empilhadeiras;
  • Determinação da área exigida para o armazenamento levando em consideração os fatores do local;
  • Escolha do modelo de armazém de acordo com os benefícios da estrutura do sistema de estrutura autoportante.

O sistema de estrutura autoportante, desde seu princípio, pode se tornar o melhor para uma empresa, devendo ser precedido apenas de um projeto para sua escolha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *