Sistema de armazenagem fixo

07-sistema-fixo

O sistema de armazenagem fixo vem sendo implementado há muitas décadas no Brasil, principalmente depois que começou a haver maior controle de armazenagem em tempo real. O tipo de solução apresentado pelo sistema de armazenagem fixo é um bom exemplo do uso da conexão da TI (tecnologia da informação) com o sistema de armazenamento, através de endereçamento dos locais automatizados associados a sistemas wireless.

O sistema de armazenagem fixo tem como objetivo estabelecer os meios e proporcionar as facilidades na identificação imediata do endereço de determinado item no almoxarifado, não havendo qualquer problema em sua localização imediata e podendo movimentá-lo com muito maior rapidez.

Utilizando um sistema de armazenagem fixo

No sistema de armazenagem fixo é utilizada uma identificação, geralmente de forma alfanumérica, indicando, fielmente, o local de armazenagem de qualquer item. A definição do sistema de localização é ligada à disposição do arranjo fixo do armazém e dos materiais armazenados, havendo a necessidade de fixação e determinação de um layout que irá facilitar o método de endereçamento, auxiliando na mobilidade dos recursos e facilitando o trabalho dos operadores.

Um exemplo simples e prático de endereçamento no sistema de armazenagem fixo é identificar o armazém através de denominação de ruas, onde cada uma mantém níveis de armazenamento numerados, comportando paletes ou containers.

A numeração irá funcionar, no sistema de armazenagem fixo, da mesma forma que numa rua qualquer da cidade, com números ímpares do lado esquerdo e números pares do lado direito, codificando-se os itens de acordo com sua altura, ou nível de armazenamento, recebendo codificações do tipo 101 ou 201, como se fosse a numeração de apartamentos num edifício.

Os números de cada item no sistema de armazenagem fixo apresentam as coordenadas, ou seja, um sistema de referência, com os dados de rua, número e altura colocados e mantendo sempre a posição correta, indicando aos operadores onde cada item está armazenado.

O sistema de armazenagem fixo facilita a localização e recuperação das mercadorias em seus locais de armazenagem, podendo ser aplicados dois métodos básicos: um sistema com endereço fixo e um sistema com endereço variável.

A localização de cada produto tem seu endereço no sistema de armazenagem fixo, de uma forma simples, não precisando, por exemplo, de um endereço de localização se não houver muitos produtos armazenados. O sistema, desta forma, oferece maiores condições de armazenamento, não deixando espaços ociosos.

Com um sistema de armazenagem fixo com endereços variáveis, as mercadorias que chegam ao armazém são designadas para qualquer espaço disponível que esteja livre e, neste método, a área é melhor usada, mantendo o registro do item naquele local. É importante, neste caso, evitar que um mesmo registro esteja em endereços diferentes, exigindo um código de recuperação para tornar o uso do material mais rápido e eficiente.

No sistema de armazenagem fixo com endereço também pré-fixado, o preenchimento dos dados para o sistema de controle se torna muito mais rápido, havendo já uma codificação para cada tipo de material.

Benefícios do sistema de armazenagem fixo

Ao se montar um sistema de armazenagem fixo, a empresa consegue uma série de vantagens, determinando endereços de produtos no interior do almoxarifado:

  • Possibilidade de localizar produtos de maior rotatividade, mantendo-os em locais de mais fácil acesso;
  • Itens que são solicitados juntos com outros podem ter endereços próximos, através de semelhança ou complementaridade, evitando deslocamentos excessivos durante a jornada de trabalho;
  • Produtos mais pesados, volumosos ou de difícil movimentação podem ser colocados mais próximos à expedição, facilitando sua recepção e entrega;
  • Produtos que tenham necessidades ou características particulares podem ser colocados em ambientes diferentes, como aqueles que precisam de refrigeração ou produtos tóxicos e perigosos, que precisam de área protegida.

O endereçamento fixo, no sistema de armazenagem fixo, pode ser feito através de etiquetas com sinalização e identificação através de códigos de barras, que podem orientar melhor o operador de cargas sobre a localização de cada um.

O sistema de armazenagem fixo pode ser complementado com um leitor de código de barras, criando uma ferramenta indispensável para melhorar a produtividade, estabelecendo a interface com o sistema de controle e garantindo controle total do processo de armazenamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *