WMS: O que essa sigla significa?

wms

Quando estuda-se logística e o uso de sistemas de armazenagens, muito se fala em WMS, porém são poucos que têm domínio sobre o significado da sigla. A sigla significa Warehouse Management System, que em português significa Sistema de Gerenciamento de Armazém.

Esse processo oferece toda a estrutura, como rotação dirigida, para a realização do procedimento de picking. Além disso, o WMS também faz a consolidação automática e o cross-docking, realizando assim um processo de otimização do armazém.

Os supermercados são o exemplo de categoria de empresa que mais utiliza sistema WMS. Isso se dá pelo fato de o sistema controlar estoques e permitir que um armazém seja automatizado. Como os supermercados têm um giro muito grande de produtos, esse tipo de gerenciamento é de muita valia, pois permite com que os artigos sejam colocados rapidamente nas prateleiras, em substituição aos adquiridos pelos consumidores. A metodologia é um componente de diversos sistemas de gestão, que são utilizados para controlar toda uma empresa.

O sistema WMS é inteligente, ou seja, a empresa que o utiliza conta com um sistema de inteligência artificial, que faz com que se opere menos com a capacidade individual dos funcionários. A principal tecnologia utilizada no sistema é o Auto ID Data Capture, isso significa que são utilizados códigos de barras, redes locais de internet sem fio e outros instrumentos para controlar o fluxo de produtos. Possui ainda um banco de dados que pode ser utilizado para fornecer relatórios sobre o status de mercadoria no armazém.

De um modo geral, o sistema WMS, tem como principais objetivos a redução de tempo em movimentações no armazém, planejar recursos, extinguir ruídos, fazer a redução de custos operacionais, evitar perdas e desvios de materiais no decorrer de operações e ofertar ao cliente um serviço mais prático, eficaz e eficiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *